Dr. Luiz Pellegrino

De segunda a sexta-feira das 8:00hs as 18:00hs

EMAIL PARA CONTATO ortopediatricasp@gmail.com
ligue ou mande um whatsapp (11) 97188-2912 / (11) 2892-0312 (Whatsapp)
Contatos

FAQ

ORIENTAÇÕES AO PACIENTE

O que é Paralisia Cerebral ?

Paralisia cerebral (PC) é uma desordem que afeta a habilidade da criança para controlar seus músculos. Ela é causada pelo dano ou anormalidades nas regiões do cérebro responsáveis pelo controle do movimento e da postura.

O que é Mielomeningocele ou Espina bífida?

Espina bífida vem do termo latino, significando literalmente coluna aberta. Ela afeta cerca de 1 em cada 1000 nascidos vivos e é o defeito do tubo neural mais comum. Os defeitos do tubo neural representam qualquer tipo de defeito causado pelo desenvolvimento incompleto do cérebro, medula espinhal, ou das membranas que recobrem esses órgãos.

O que são dores do Crescimento?

As dores do crescimento geralmente atacam durante dois períodos: no início da infância entre os 3 e 5 anos de idade e mais tarde entre os 8 e 12 anos de idade, que são os períodos de estirão de crescimento durante a infância. Elas são os que os médicos chamam de diagnóstico de exclusão. Isto significa que outros diagnósticos devem ser descartados antes de se fazer o diagnóstico de dores do crescimento.

Em geral o médico deve fazer uma história completa e um exame físico detalhado de seu filho. Em casos mais raros e duvidosos, podem ser necessários Raio X e/ou exame de sangue antes do diagnóstico final de dores do crescimento, porém em geral não são necessários.

O que é Pé torto Congenito?

O Pé torto congênito é uma deformidade em que os pés do bebê está virado para dentro, frequentemente de forma tão severa que a planta do pé  olha para cima. Aproximadamente 1 em cada 1000 crianças nascidas vivas têm pé torto congênito, sendo assim, a deformidade congênita mais frequente nos pés.

O que é o Joelho em “X”?

Nos primeiros 12 meses de vida, as pernas serem arqueadas é normal. As pernas arqueiam naturalmente para fora e começam a retificar na medida que o bebê cresce. Por volta dos 4 anos, é comum vermos a criança inverter a deformidade , ficando progressivamente com os joelhos em X, e então, entre as idades de 7 a 10 anos, as pernas novamente vão endireitando e normalizam. Em geral, é comum uma história familiar de joelhos em X.

Em alguns casos, os joelhos em X podem ser devido a um trauma na placa de crescimento ósseo na região do joelho, infecções ou, muito raramente, artrite. A maioria dos casos não requer nenhum tratamento.