Dr. Luiz Pellegrino

De segunda a sexta-feira das 8:00hs as 18:00hs

EMAIL PARA CONTATO ortopediatricasp@gmail.com
ligue ou mande um whatsapp (11) 97188-2912 / (11) 2892-0312 (Whatsapp)
Contatos

Segurança com a Mochila

Você já disse as palavras, “Muita tarefa para casa não machuca ninguém”, quando conversando com seu filho sobre as obrigações escolares ?

Você pode estar errado: a mochila do seu filho pode estar prejudicando sua saúde. Alguns estudos mostram que 30 a 50% dos adolescentes entre 15 e 16 anos apresentam dores nas costas, a qual pode ser causada por diversos fatores – um deles , o uso inadequado da mochila.

“Apesar de muitos fatores poderem causar dores nas costas, como o aumento do nível de competição nos esportes, postura inadequada para sentar, e períodos longos de inatividade, é preocupante encontrarmos crianças carregando mochilas com mais de 15% do peso corporal. Você subiria num elevador que tenha atingido seu limite máximo de segurança? Eu acho que não, nem as crianças deveriam estar carregando esses escessos de peso,” diz Shelley Goodgold, Phd, professora associada de fisioterapia no Simmons College em Boston, Massachusetts.

Existem, no entanto , algumas medidas que você pode tomar para ajudar seu filho a evitar a dor nas costas e outros problemas associados com o uso impróprio da mochila.

Benefícios da Mochila
A mochila pode ser uma ferramenta útil para as crianças se elas forem usadas adequadamente. Muitas mochilas vêm com compartimentos múltiplos que ajudam a criança a se organizar quanto a seus livros e cadernos de casa para a escola e vice e versa. Comparadas com as bolsas e sacolas laterais, as mochilas são melhores porque os músculos mais fortes do corpo, como os músculos da coluna e do abdome, sustentam o peso da mochila. Como o peso é distribuído através do corpo da criança, o ombro e o pescoço são menos lesados do que se a criança carregar bolsa lateral

Quais os problemas que as Mochilas podem causar ?

A coluna é composta de 33 ossos chamados vértebras, e entre as vértebras estão os discos que atuam como amortecedores naturais de impacto.

“Quando uma mochila é pesada, a criança hiperextende as costas ou inclina a cabeça e o tronco para frente para compensar o peso da mochila. Isso sobrecarrega os músculos do pescoço e da coluna, aumentando o risco de fadiga e lesão. Também usando apenas uma alça causa uma assimetria da coluna e afeta a capacidade natural de absorção do impacto pelos discos intervertebrais.

Devido ao excesso de peso, seu filho pode desenvolver dor no ombro, pescoço e nas costas. A maioria dos médicos e fisioterapeutas recomendam que uma criança não carregue mais do que 10% a 15% de seu peso corporal em suas mochilas.

Se o seu filho usa sua mochila sobre um dos ombros, ele pode terminar inclinando-se para um lado para compensar a carga. Ele pode desenvolver, neste caso, dor na região superior das costas , ombros e pescoço. Além disso, alças muito estreitas que penetram nos ombros, podem interferir na circulação e na inervação do membro superior, e a criança pode desenvolver formigamentos e fraquezas nos braços e nas mãos.

Se o seu filho tem dificuldade para colocar e tirar sua mochila, e tem dor nas costas, tem que inclinar-se para frente para carregá-la, ou tem formigamentos e fraquezas nos braços e pernas, fale com seu médico.

 Usando a Mochila de forma Segura
Apesar de seus problemas potenciais, a mochila pode ser usada adequadamente. Antes de comprar aquela mochila que seu filho ou filha está querendo, considere o seguinte:

As mochilas mais seguras têm as seguintes características:

  • 2 alças largas e acolchoadas sobre os ombros
  • um cinto acolchoado na cintura ou no tórax para distribuir o peso mais uniformemente através do corpo
  • compartimentos múltiplos para distribuir a carga de peso
  • a largura da mochila não deve ser maior do que a do dorso da criança

As bolsas pendentes sobre um dos ombros ou cruzadas sobre o tórax ou que têm apenas uma alça não são tão eficientes na distribuição do peso como as bolsas com 2 alças largas. Você pode considerar a aquisição de mochila com rodinhas ( tipo aeromoça), porém deve checar com a escola, pois algumas não permitem pelo maior disco de acidentes e quedas nos corredores e escadarias dos colégios.

Limitar o peso da mochila é a chave para a prevenção das lesões. Em uma pesquisa entre os médicos da Academia Americana de Ortopedia, a maioria observou que a carga da mochila tornava-se um problema para a saúde quando atingia por volta de 9 Kg ou mais. A Associação Americana de Fisioterapia recomenda que as crianças carreguem mochilas de não mais do que 15% de seu peso corporal – porém , é claro que quanto menos melhor.

Nós achamos que 10% do peso corporal é o limite mais seguro.

Algumas das responsabilidades pelo uso seguro da mochila são da criança. Certifique-se que ele ou ela não está carregando coisas desnecessárias, como livros não essenciais para atividade do dia, CD players, video games, etc. Se seu filho tem que carregar algum equipamento esportivo ou algum item mais pesado que os demais, estes devem ser colocados mais próximos do tronco.

Se você observar que seu filho criança ou adolescente parece ter uma mochila mais pesada na 6ª. ou 2ª. Feira, pergunte-lhe sobre suas tarefas de casa. Se ele atrasa suas tarefas até o final de semana, ele pode terminar com uma mochila muito mais pesada, que poderia colocá-lo em risco de lesões.

Seu filho pode também evitar lesões colocando adequadamente sua mochila. Como com qualquer outro tipo de peso, ele deve dobrar os joelhos e colocar a mochila com as duas mãos. Outra maneira de prevenir lesão nas costas é fortalecer os músculos estabilizadores do tronco, incluindo os lombares e abdominais. A natação e uma das atividades efetivas para esse fortalecimento.

O envolvimento da Escola e da Associação de Pais e Mestres na solução do problema pode ser interessante. Isso pode ser realizado através da implementação de programas educativos sobre o uso seguro da mochila.

Karla Fernandes

VIEW ALL POSTS

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *